Recuerdos de Caracas

Coleção particular daqueles momentos assim que a gente vira e diz 'Caracas!'.

Arquivo para setembro, 2009

alimasp convida: my birthday @ studiosp

HELLO MOTOS, Na próxima sexta eu fico menos novo. Motivo que me anima a reunir os amigos todos no StudioSP a partir das 23h., Rua Augusta, 591 – Centro. Vai rolar um show da Banda Heroes, aclamado cover de David Bowie, para os amantes da boa música, além da pré-baladinha totalmente @alimasp mode on. H-20R$ / M-20R$ com nome na lista. É só confirmar comigo em tempo hábil pelo meu email/celular ou resposta no twitter ou Facebook.

alelima0610

Para ir entrando no clima: http://migre.me/7WvC

Os sons do meu tio

Da série frases do meu pai: “O tempo passa para todo mundo”.

Ontem fui numa festa incrível do André , em seu apartamento mini gigantesco na Bela Cintra. Não me lembro de ter estado em uma festa com som tão eclético como esse de ontem. Ponto para os ecanos.

Teve Britney, Beyonce, Caetano, Chico, Adoniran, Jackson do Pandeiro, Tete Spinola, … e várias outras coisas que eu não conhecia e que não prefiro citar aqui agora.

BUT, de repente ouvi uma música que ja conhecia e ha muito muito tempo não ouvia.

Eu não acreditei bem hora que tava ouvindo aquela música.

Essa música de certa forma era uma das minhas trilhas sonoras de infância. Meu tio Gerson, super louco por músuca tinha um puta aparelho de som, vários módulos diferentes ligados entre sim, era praticmente uma sala de áudio na casa. E sempre que eu ia la com meus pais nos findes, ele sempre tava ouvindo muita coisa diferente.

E aí vinha o LP do Pinduca:

Vou ensinar a sinhá pureza
A dançar o meu sirimbó
Sirimbó que remexe mexe
Sirimbó da minha vovó
Vai dançando sinhá pureza
Rebolando pode requebrar
Carimbó, sirimbó é gostoso
É gostoso em Belém do Pará
Ô lêlê ô lalá
Misturei carimbó e siriá
Carimbó sirimbó é gostoso
É gostoso em Belém do Pará

.

.

.

.

(spoiler)

Subitamente percebi quanto tempo isso fazia e que eu nem lembrava mais.