Recuerdos de Caracas

Coleção particular daqueles momentos assim que a gente vira e diz 'Caracas!'.

Arquivo para maio, 2009

Wall E e Guantanamera

Eu sempre acredito que nós vemos os filmes quando temos que ver. Quando eles têm mais que alguns minutos de imagens e sons a serem vistos, e quando podemos aprender de fato alguma coisa com eles. Isso é tão verdade que tem filmes que quero ver há tempos, mas o mundo só conspira para eu ver em alguns momentos. E depois concluo que são nesses que eu deveria ter visto.

Hoje vou falar de dois filmes que nada têm em comum, apenas o fato de que são filmes: Wall E e Guantanamera.

WALL E é um filme que saiu ha pouco tempo. Queria ter visto no cinema mas não fui. Depois enrolei, enrolei até que hoje ele não me escapou. Não bastasse a históra incrível e as 1000 referências, todo aquele clima de 2001 – Uma Odisséia no Espaço, a animação perfeita, um produto cinematográfico maravilhoso, o que mais me chamou a atenção foi os créditos.

O filme é uma abslouta crítica a humanidade. Um belo tapa na cara. Mas pra mim, o creme de la creme ficou com o final: uma mescla da historia do filme contada junto com a história da arte. BRAVO. BRAVÍSSIMO. Da Arte Rupestre das Cavernas ao Impressionismo. Que coisa mais fabulosa. Delícia. Agradeço aos YT maniacs que subiram, e aqui está.

Guantanamera, Yojiro Guantanameeeeeera… é daqueles filmes que o seu professor de história do cursinho falou pra ver, mas você nunca achou, até o dia que prateleira vai prateleira vem ele aparece.

Acabei de assistir. E vai ser a minha imagem da Lei de Murphy até achar outra. Um velório inter-cidades em Cuba. Saindo de Guantanamo para La Habana e muitas coincidências, Encontros e Desencontros, mulher que descobre que o marido é um babaca, amante-guarda-de-guarita que prende a estrada pra pegar um caminhoneiro. Olha só.

>>> Agora, eu só podia ter visto esses filmes agora. Nada é por acaso. E se eu visse antes, teria achado uma merda.

Vai tomar no cú antes que eu me esqueça

[Vou escovar os dentes antes de começar, porque se eu ja escrever direto vai ser um abuso ao querido leitor.]

Para ler ouvindo ODEIO – Caetano Veloso. (Infelizmente não achei no Blip e não vou linkar).

Eu curto me comportar. Falo sério.
Ser gente boa. Bacaninha.
Só que as pessoas abusam da sua boa vontade.
Querem te fazer de idiota.
Vou contar o caso. Aqui. Agora.

Todo mundo só lembra de você quando você vai resolver algo pra eles.
Ninguém lembra quando não precisa lembrar.
Não é prático.

Mas por que ficamos putos quando não somos lembrados?
Eu ja devia ter aprendido essa merda.
To cansado de repetir que o ideal é não esperar nada de ningém.

Mas me perco. É foda.
Chega dessa lamentação.

Os Alexes Atalas e o Cabeleireiro Putão

[No melhor estilo @anapessoa]
Para ler ouvindo Caetano – Qualquer coisa.

Fui cortar o cabelo esse domingo.
O que não é nenhum evento em si, para os homens em geral, aí me incluo. Mas foi interessante.
Cheguei lá, e tinha um senhor semi careca voltando a ser careca.
Sempre corto no mesmo cabeleireiro, um cara, perto da casa dos meus pais. Ja deve fazer uns bons anos que vou lá.
E sempre leio as revistas enquanto espero.
Dessa vez tinha uma Audi Magazine.
Legal. Não é um salão super Uau, Oscar Freire. Sequer um Soho.
É um salão simples. Quase um barbeiro. AudiMagazine não é o target.
Pensei como ela poderia ter ido parar lá.

Folheando, tinha uma matéria do Alex Atala. Cozinheiro.
Super bambambam das panelas.
Dia desses fui no restaurante novo dele, o Dalva e Dito.
Que recomendo master, aliás. Experiencia única.
Na matéria ele dizia de seus muitos eus.
Que ele é o Alex Atala para todos que o conhecem como Chéf, o Milad para os pais, Alexandre para uns amigos, Alê para outros, enfim.
Muitas pessoas em uma pessoa.
Intrigante. Fato dos fatos.
Tanto é que dependendo de onde a pessoa me conhece posso ser Alessandro Lima, Alessandro, Sandro, San, …, até Rafael Lima já teve… hauahuah.
E são todos eu.
Li, li até outra matéria legal do Marcello Serpa, da Almap BBDO. Puta agência.
De uma campanha que ele fez para o resgate da boa educação.
Pessoas vestindo marcas respeitosas sem respeito. Supimpa.

Aí chegou a hora de cortar o cabelo.
É engraçado que o cabeleireiro diz que casou uns meses atras e a mulher cobra muito, fica no pé.
Que ele tem que trabalhar menos, ficar mais em casa. E coisa e tal. Aí ele quer trair ela… mas não acha certo… catártico, eu diria.
Caímos na conversa clássica de que sempre quando a gente não tem namorada ninguém quer nada.
Mas quando tem, todo mundo quer tudo. Que acontece?

E foi isso. Não tenho a obrigação de ser interessante sempre. Ou, me permito interessar por minha próprio desinteresse, ou desinteressar por meu interesse. Quem sabe?

Corinthianas Perturbadinhas

Esse post é muito mais uma experiência sobre o quanto as pessoas torcem para seus times que efetivamente uma piada contra o Corinthians, inclusive porque o mesmo passa atualmente por uma boa fase, que não seria nem poderia ser meu humilde blog que iria desabrilhantar.

Que aconteceu ? Ontem, em plena final no Pacaembu, certamente uma das maiores audiencias globais dos ultimos tempos, Corinthians jogava com vantagem de 2 gols sobre o Santos. Como a vida não é fácil, o jogo foi intenso e o Santos foi pra cima no primeiro tempo. Foi claro e notório que o Corinthians tava tomando sufoco.

Certa hora, o goleiro corinthiano foi pegar a bola e deu umas mãozadas na perta de um centroavante santista, e o juiz, de olho no lance, deu penalti. Óbvio que aos 30 minutos do primeiro tempo não seria dificil de fazer mais 2 gols e virar o jogo.

Claro que, a exemplo das próprias, eu não iria deixar de mandar uma mensagem com o tradicional “Chupa” para Fernanda Martins, Marion Padilha e Ainah Correa. Twulgo @fer4, @mpadilha e @ainahcorrea . Agora, a graça desse post foram as respostas de cada uma, o que, por si só e pelo tempo em que foram enviadas, mostram o quanto acreditavam realmente no Corinthians.

[16:35] Gol do Santos de Penalti.
[16:36] Envio para as 3 o seguinte SMS: CHUPA.


[16:39] Marion responde: Ue kd seu time na final, ele nao eh o melhor? Nao eh capaz de ganhar no estado dele? Ainda estamos na vantagem benhe. Vai dar timao. invicto.
[16:40] Fernanda responde: Ai ai, eh tao feio quando as pessoas q tem esses timinhos meia boca torcem contra os times de verdade… Inveja eh feio, ale.
[16:40] O Corinthians empata: 1 x 1.
[16:41] Réplica da Fernanda: Cuidado ao engolir a espinha, ta?



Segundo tempo… Fim do jogo, quando chega mais uma mensagem…

[18:02] Ainah responde: Chupa Bambi.

Enfim, pela simples analise dos fatos, podemos concluir que Ainah estava insegura com o resultado do jogo, alias como ela sempre faz e nao teve culhões para responder a mensagem logo na hora que eu mandei. Teve que aguardar o fim. #medinho

Também, concluiu-se que a Fernanda é a mais desbocada, fato que eu ja bem sabia. E que a Marion respondeu na ânsia do momento. Mas pelos essas duas, como vemos pelo tempo e conteúdo das mensagem realmente confiavam de coração na vitória e não ficaram com medo. #admirablegirls

Me absterei de comentários futebolísticos sobre os times, as taças que eles ganham, suas importâncias no mundo globalizado em que vivemos, e se elas são disputadas em estádios próprios ou pseudo-próprios que saem areia da grama… Enfim.

O dia em que eu votei na Cinthia.

Mosaico Twittico do @alimasp, vulgo eu.

Get your twitter mosaic here.